Rua Sorocaba, 706 - Botafogo
CEP: 22271-110 - Rio de Janeiro - RJ
Tel.:2103-1500 - Fax:2579-3713
E-mail: sac@clinicoop.com.br
Notícias

[15/03/2019]
Comer cogumelos duas vezes por semana reduz risco de perda de memória
Comer cogumelos ao menos duas vezes por semana pode ajudar a prevenir problemas de memória e fala em pessoas com mais de 60 anos.
[22/02/2019]
Minicérebros criados em laboratório no Rio têm até olhos
No futuro, testes dirão se os organoides podem enxergar; estruturas devem servir para entender doenças e avaliar medicamentos
[15/02/2019]
Gonorreia: por que a doença está ficando resistente a medicamentos
Bactéria responsável pela infecção sexualmente transmissível está desenvolvendo resistência aos antibióticos existentes
[14/02/2019]
Surto de febre amarela avança para Sudeste e Sul, alerta OMS
Em comunicado emitido em Brasília, entidade amplia área de vacinação para estrangeiros e aponta para terceira onda de contaminação

+ mais   


O que as vacinas fazem por nossa imunidade


08/09/2016


Não há nada mais certeiro quando se pensa em fortalecer as defesas do organismo

Feitas a partir de partículas do vírus ou da bactéria que causa a enfermidade — também existem versões com o agente patógeno inteiro inativado —, as vacinas têm um papel importântíssimo no fortalecimento do sistema imune. "O imunizante faz com que o sistema aprenda a responder à infecção por meio de anticorpos", detalha a pediatra Isabella Ballalai, presidente da Sociedade Brasileira de Imunizações.

As agulhadas funcionam como uma espécie de simulação de emergência: caso no futuro ocorra uma invasão, as células de defesa já sabem como proceder para neutralizar o perigo. Em épocas de gripe e outras doenças infecciosas, a procura por vacinas aumenta bastante.

"O cuidado deve ser maior em gestantes, crianças, idosos e portadores de doenças crônicas, grupos com risco de ter complicações", destaca o infectologista Gilberto Turcato Júnior, do Hospital Alemão Oswaldo Cruz, em São Paulo. Mas a vacina da gripe, por exemplo, só vai ser efetiva contra a... gripe! É preciso estar com a carteirinha de vacinação atualizada para ficar protegido diante de outros bandidos microscópicos.


Fonte: MdeMulher



Bookmark and Share

< voltar   
Home     |     Clínica     |     Especialidades     |     Corpo clínico     |     Localização     |     Contato