Rua Sorocaba, 706 - Botafogo
CEP: 22271-110 - Rio de Janeiro - RJ
Tel.:2103-1500 - Fax:2579-3713
E-mail: sac@clinicoop.com.br
Notícias

[15/03/2019]
Comer cogumelos duas vezes por semana reduz risco de perda de memória
Comer cogumelos ao menos duas vezes por semana pode ajudar a prevenir problemas de memória e fala em pessoas com mais de 60 anos.
[22/02/2019]
Minicérebros criados em laboratório no Rio têm até olhos
No futuro, testes dirão se os organoides podem enxergar; estruturas devem servir para entender doenças e avaliar medicamentos
[15/02/2019]
Gonorreia: por que a doença está ficando resistente a medicamentos
Bactéria responsável pela infecção sexualmente transmissível está desenvolvendo resistência aos antibióticos existentes
[14/02/2019]
Surto de febre amarela avança para Sudeste e Sul, alerta OMS
Em comunicado emitido em Brasília, entidade amplia área de vacinação para estrangeiros e aponta para terceira onda de contaminação

+ mais   


Pesquisa indica que brasileiros sofrem para malhar em dias úteis


05/10/2016


A maioria dos entrevistados de um levantamento afirma que não consegue se mexer de segunda à sexta — o que contribui para o sedentarismo

Sair do sedentarismo e entrar no mundo da atividade física é um baita desafio — e foi alvo de uma pesquisa conduzida pela empresa Healthways, voltada para gestão de saúde e bem-estar. Feita com 2 734 clientes brasileiros, ela mostra que 88% não praticam exercício regularmente.

Verdade que os voluntários analisados podem fazer parte de uma turma menos ativa e que, até por isso, recorreu aos serviços daquela empresa. Em outras palavras, talvez na população geral esse número seja menor. Levantamentos do Ministério da Saúde, por exemplo, indicam que por volta de 15% dos brasileiros é completamente inativo.

De qualquer forma, o levantamento da Healthways chama atenção para uma possível barreira à prática esportiva: a correria de segunda à sexta. Segundo os dados, 60% dos entrevistados sentem dificuldade para suar a camisa em dias úteis. Mas tem como arranjar tempo para isso. E a primeira regra é dar mais prioridade aos exercícios. Qualquer caminhada já é melhor do que ficar parado. Comece devagar e avance de pouco em pouco, conforme se ajustar ao novo cotidiano. Outro ponto importante é se planejar para isso. Ou seja, organize a agenda e tome todos os passos necessários para que a meta de se exercitar na semana seja de fato cumprida.


Fonte: MdeMulher



Bookmark and Share

< voltar   
Home     |     Clínica     |     Especialidades     |     Corpo clínico     |     Localização     |     Contato