Rua Sorocaba, 706 - Botafogo
CEP: 22271-110 - Rio de Janeiro - RJ
Tel.:2103-1500 - Fax:2579-3713
E-mail: sac@clinicoop.com.br
Notícias

[15/03/2019]
Comer cogumelos duas vezes por semana reduz risco de perda de memória
Comer cogumelos ao menos duas vezes por semana pode ajudar a prevenir problemas de memória e fala em pessoas com mais de 60 anos.
[22/02/2019]
Minicérebros criados em laboratório no Rio têm até olhos
No futuro, testes dirão se os organoides podem enxergar; estruturas devem servir para entender doenças e avaliar medicamentos
[15/02/2019]
Gonorreia: por que a doença está ficando resistente a medicamentos
Bactéria responsável pela infecção sexualmente transmissível está desenvolvendo resistência aos antibióticos existentes
[14/02/2019]
Surto de febre amarela avança para Sudeste e Sul, alerta OMS
Em comunicado emitido em Brasília, entidade amplia área de vacinação para estrangeiros e aponta para terceira onda de contaminação

+ mais   


É função do Angiologista


10/01/2017


1 - Diagnosticar as doenças vasculares

2 - Prevenir amputações em ateroscleróticos, tratando os fatores de risco responsáveis por essa temida complicação.
Quarenta porcento dos pacientes portadores de aterosclerose periférica sofrem amputações.

3 - Diminuir a incidência de complicações vasculares em diabéticos, orientando os pacientes nos cuidados diários com suas extremidades e tratando os fatores de risco.
Entre 20 e 40% dos diabéticos sofrem amputação na coxa, sendo que a mortalidade por complicações do pé diabético é em torno 70%.

4 - Diminuir a incidência do primeiro episódio de tromboembolismo venoso em doentes portadores de fatores de risco adquiridos.
Dos pacientes submetidos à cirurgia ortopédica, 75% desenvolvem trombose venosa / embolia pulmonar no pós-operatório.

5 – Prevenir e tratar a recorrência de trombose venosa/ embolia pulmonar
A mortalidade anual por embolia pulmonar é de 50.000 casos. A recorrência de episódios trombóticos, em pacientes não tratados adequadamente, é de 49%.

6 - Controlar a incidência de tromboses em portadores de trombofilias
Incidência anual de tromboses venosas profundas nesses doentes é cerca de 09 casos por 1.000 habitantes.

7 - Evitar o aparecimento de ulcerações em membros acometidos por tromboses prévias.
As ulcerações secundárias a TVP prévia acometem 2,6 % da população geral.

8 - Prevenir e tratar a recorrência de úlceras de estase em pacientes com insuficiência venosa crônica.
80% dos pacientes não tratados adequadamente evoluirão com ulcerações de repetição.

9 - Prevenir e tratar a recorrência das complicações dos linfedemas.
15 % da população mundial é portadora de edema de membros inferiores, de origem linfática.

10 - Prevenir e tratar as complicações das flebopatias hereditárias.
Quarenta e sete porcento da população mundial é portadora de varizes essenciais. As teleangiectasias (microvarizes) têm prevalência de 82%.

Fonte: http://angiologia-uerj.med.br/funcao_angiologia.html



Bookmark and Share

< voltar   
Home     |     Clínica     |     Especialidades     |     Corpo clínico     |     Localização     |     Contato