Rua Sorocaba, 706 - Botafogo
CEP: 22271-110 - Rio de Janeiro - RJ
Tel.:2103-1500 - Fax:2579-3713
E-mail: sac@clinicoop.com.br
Notícias

[13/11/2018]
Aplicativo de celular identifica com precisão ataques cardíacos
Pesquisadores acreditam que aplicativo poderia ajudar pessoas em países sem acesso a exames como o eletrocardiograma tradicional.
[12/11/2018]
Exame de cinco minutos pode prever o risco de demência, diz estudo
Doença estaria associada a maior pulsação arterial, que desencadearia declínio cognitivo
[07/11/2018]
Inteligência artificial consegue prever Alzheimer anos antes do diagnóstico

[05/11/2018]
O inovador implante na medula que fez homem com paralisia voltar a andar
Cientistas da Suíça desenvolveram método que estimula impulsos em medula espinhal de pacientes.

+ mais   


Diabetes: doença silenciosa que faz uma vítima a cada 10 segundos


12/11/2012


O Dia Mundial do Diabetes, celebrado em 14 de novembro, foi criado para mostrar ao mundo os dados alarmantes da doença e alertar para a necessidade de educação e prevenção. De acordo com dados da IDF (Federação Internacional do Diabetes), 366 milhões da população adulta mundial vive com a doença e esse número deve aumentar para 552 milhões de pessoas até 2030.

Só no Brasil, segundo a SBD (Sociedade Brasileira de Diabetes), há 12 milhões de portadores de diabetes, o que representa quase 10% da população. Assim como no mundo, a tendência é que esse número cresça desenfreadamente se nada for feito.

Complicações do diabetes levam à perda de sensibilidade nos pés.

O portal R7 aproveitou a data comemorativa para mostrar que também está unido no combate a doença. A partir desta segunda-feira (12) até domingo (18), você vai ficar bem informado sobre sintomas, diagnóstico, tratamento e prevenção. Acompanhe esta cobertura especial e fique fora das estatísticas.

Entenda a diferença entre os tipos de diabetes:

DIABETES TIPO 1

Também conhecido como diabetes infanto-juvenil, a doença é mais comum em crianças, adolescentes e adultos jovens. Caracterizada pela incapacidade do pâncreas produzir insulina, seus portadores precisam de injeções diárias do hormônio para controlar a glicose no sangue.


DIABETES TIPO 2

É mais comum na população com sobrepeso ou obesa, sedentária e acima dos 40 anos, representando 90% dos casos da doença no Brasil. Apesar do pâncreas produzir insulina, essa não consegue agir de forma adequada, o que se denomina resistência a insulina. Sua principal causa é o acúmulo de gordura abdominal.


DIABETES TIPO 3

A doença é diagnosticada geralmente no meio da gravidez e precisa de tratamento durante este período. Após o nascimento do bebe, o diabetes costuma desaparecer, mas esta mulher está mais propensa a desenvolver o diabetes tipo 2 ao longo da vida.Entenda a diferença entre os tipos de diabetes.


Fonte:R7



Bookmark and Share

< voltar   
Home     |     Clínica     |     Especialidades     |     Corpo clínico     |     Localização     |     Contato