Rua Sorocaba, 706 - Botafogo
CEP: 22271-110 - Rio de Janeiro - RJ
Tel.:2103-1500 - Fax:2579-3713
E-mail: sac@clinicoop.com.br
Notícias

[21/01/2019]
Evolução da sífilis: quando se deve buscar ajuda
Entenda como a sífilis evolui e saiba quando procurar ajuda
[18/01/2019]
Cientistas desenvolvem molécula que pode tratar insuficiência cardíaca
A Samba foi desenvolvida por pesquisadores da USP nos últimos dez anos, e o teste em ratos se mostrou promissor para ajudar pacientes que sofrem da doença.
[15/01/2019]
Dorme menos de 6 horas por noite?
Estudo indica que você tem mais chances de ter problemas de saúde
[10/01/2019]
É arriscado beijar bebês recém-nascidos?
Veja que cuidados tomar na hora da visita

+ mais   


Adolescência agora acaba aos 25 anos, segundo psicólogos


26/09/2013



A adolescência acompanha a atual compreensão de maturidade emocional, desenvolvimento hormonal e atividade do cérebro

Adulto aos 18 anos? Não mais. Agora a adolescência termina aos 25 anos, de acordo com diretrizes atualizadas e dadas a psicólogos infantis. A ideia busca evitar que crianças e jovens se apressem e se sintam pressionados a atingir marcos importantes, o que pode levar a um complexo de inferioridade caso não os atinjam. Os dados são da BBC.

“A ideia de que, de repente aos 18, você é um adulto não soa verdadeira”, diz a psicóloga infantil Laverne Antrobus, que trabalha na Tavistock Clinic de Londres. “Minha experiência com os jovens é a de que eles ainda precisam de uma quantidade bastante considerável de apoio e ajuda para além dessa idade”, completou.

A mudança acompanha os acontecimentos na compreensão de maturidade emocional, desenvolvimento hormonal e atividade do cérebro. O desenvolvimento cognitivo de uma pessoa jovem, por exemplo, continua em um estágio mais tardio e a maturidade emocional, a autoimagem e julgamento serão afetados até que o córtex pré-frontal do cérebro esteja totalmente desenvolvido.

Agora, existem três fases da adolescência: início da adolescência entre 12 e 14 anos, adolescência média entre 15 e17 anos, e adolescência final de 18 a 25 anos. “Alguns adolescentes podem querer ficar mais tempo com suas famílias, porque eles precisam de mais apoio durante esses anos de formação e é importante que os pais percebam que os todos jovens não se desenvolvem no mesmo ritmo”, completou Laverne.



Fonte:Saúde Terra



Bookmark and Share

< voltar   
Home     |     Clínica     |     Especialidades     |     Corpo clínico     |     Localização     |     Contato