Rua Sorocaba, 706 - Botafogo
CEP: 22271-110 - Rio de Janeiro - RJ
Tel.:2103-1500 - Fax:2579-3713
E-mail: sac@clinicoop.com.br
Notícias

[21/01/2019]
Evolução da sífilis: quando se deve buscar ajuda
Entenda como a sífilis evolui e saiba quando procurar ajuda
[18/01/2019]
Cientistas desenvolvem molécula que pode tratar insuficiência cardíaca
A Samba foi desenvolvida por pesquisadores da USP nos últimos dez anos, e o teste em ratos se mostrou promissor para ajudar pacientes que sofrem da doença.
[15/01/2019]
Dorme menos de 6 horas por noite?
Estudo indica que você tem mais chances de ter problemas de saúde
[10/01/2019]
É arriscado beijar bebês recém-nascidos?
Veja que cuidados tomar na hora da visita

+ mais   


Pâncreas artificial promete acabar com injeções de insulina


24/01/2014



Aparelho do tamanho de um relógio de pulso pode ser cirurgicamente implantado no abdômen

Cientistas britânicos da Universidade de Montfort, em Leicester, desenvolveram um aparelho que promete revolucionar o tratamento do diabetes. O dispositivo funciona como um pâncreas artificial, liberando insulina na corrente sanguínea. A informação é do site Daily Mail desta sexta-feira (24).

• De acordo com a publicação, o equipamento pode ser implantado no abdômen.

O refil de insulina do dispositivo deve ser recarregado a cada duas semanas por meio de um catéter [tubo fino].

Segundo o professor de farmácia da Universidade de Montfort Joan Taylor, o dispositivo irá garantir que as doses sejam cada cada vez mais precisas. O aparelho deve ser inserido cirurgicamente.

Este dispositivo é barato e simples de usar. Ele tem o potencial de trazer um fim às injeções diárias para diabéticos.

Testes em humanos devem começar em 2016 e os pesquisadores esperam que os primeiros implantes entrem no SNS (Sistema Nacional de Saúde) dentro de uma década.


Fonte: R7



Bookmark and Share

< voltar   
Home     |     Clínica     |     Especialidades     |     Corpo clínico     |     Localização     |     Contato