Rua Sorocaba, 706 - Botafogo
CEP: 22271-110 - Rio de Janeiro - RJ
Tel.:2103-1500 - Fax:2579-3713
E-mail: sac@clinicoop.com.br
Notícias

[13/11/2018]
Aplicativo de celular identifica com precisão ataques cardíacos
Pesquisadores acreditam que aplicativo poderia ajudar pessoas em países sem acesso a exames como o eletrocardiograma tradicional.
[12/11/2018]
Exame de cinco minutos pode prever o risco de demência, diz estudo
Doença estaria associada a maior pulsação arterial, que desencadearia declínio cognitivo
[07/11/2018]
Inteligência artificial consegue prever Alzheimer anos antes do diagnóstico

[05/11/2018]
O inovador implante na medula que fez homem com paralisia voltar a andar
Cientistas da Suíça desenvolveram método que estimula impulsos em medula espinhal de pacientes.

+ mais   


Espasmos aparecem com o estresse e sobrecarga muscular


29/08/2014



Atividade física regular é a grande aliada para combater as contrações

Quem nunca sentiu uma contração muscular dolorosa da "batata" da perna (panturrilha) ou aquelas pequenas contrações que ocorrem na pálpebra? Estes são exemplos de fenômenos neurológicos que ocorrem ao nível do músculo ou suas porções mais delicadas (fibras musculares) e, muitas vezes, são desencadeados por estresse.

Existem diferentes tipos de espasmos musculares. Um tipo mais conhecido seria a câimbra, que nada mais é do que uma contração muscular dolorosa. A maioria das pessoas que tem cãibra apresenta estes espasmos musculares de natureza benigna como uma reação do corpo ao estresse. Mas outras causas bem mais complexas, como algumas doenças neurológicas e distúrbios hidroeletrolíticos, podem ser a fonte de câimbras frequentes. Nesses casos, procurar um especialista é fundamental.

Por outro lado, um tipo de espasmo muscular que não dói seriam as chamadas "mioquimias palpebrais". Novamente, são em geral benignas e ocorrem, como o nome sugere, em uma das pálpebras, como se fossem pequenas contrações indolores nesta região. As mioquimias normalmente não são decorrentes de nenhuma situação específica senão estresse, mas casos de recorrência frequente, bilaterais ou associados a outras manifestações devem ser investigados por neurologista.

Enfim, tanto as câimbras como a mioquimia facial são exemplos de espasmos musculares com características diferentes, mas um ponto geralmente comum: estresse. Logo, atividade física regular sob orientação de professional habilitado, hidratação, alimentação equilibradas e técnicas de relaxamento podem ajudar a prevenir os espasmos musculares. Lembrando que o excesso também poderá ser ruim, como a prática extenuante de atividade física.


Fonte Minha Vida



Bookmark and Share

< voltar   
Home     |     Clínica     |     Especialidades     |     Corpo clínico     |     Localização     |     Contato