Rua Sorocaba, 706 - Botafogo
CEP: 22271-110 - Rio de Janeiro - RJ
Tel.:2103-1500 - Fax:2579-3713
E-mail: sac@clinicoop.com.br
Notícias

[15/03/2019]
Comer cogumelos duas vezes por semana reduz risco de perda de memória
Comer cogumelos ao menos duas vezes por semana pode ajudar a prevenir problemas de memória e fala em pessoas com mais de 60 anos.
[22/02/2019]
Minicérebros criados em laboratório no Rio têm até olhos
No futuro, testes dirão se os organoides podem enxergar; estruturas devem servir para entender doenças e avaliar medicamentos
[15/02/2019]
Gonorreia: por que a doença está ficando resistente a medicamentos
Bactéria responsável pela infecção sexualmente transmissível está desenvolvendo resistência aos antibióticos existentes
[14/02/2019]
Surto de febre amarela avança para Sudeste e Sul, alerta OMS
Em comunicado emitido em Brasília, entidade amplia área de vacinação para estrangeiros e aponta para terceira onda de contaminação

+ mais   


5 situações inesperadas que podem causar dor de cabeça


16/11/2015


Treinar muito pesado e tencionar a mandíbula podem ser alguns dos motivos da sua dor de cabeça repentina

Você está levando um dia como qualquer outro e, de repente, sua cabeça começa a latejar? A dor parece vir sem motivo, mas prestar atenção e saber o que desencadeia o problema pode ser extremamente útil. É claro que, na maioria dos casos, basta um analgésico para resolver a questão. M
as se você observar um padrão ou perder a visão é melhor correr para um médico!

1. Treino pesado

Fazer exercícios físicos, especialmente no calor, pode trazer alguns incômodos. As dores de cabeça que aparecem durante a atividade geralmente começam quando há um pico na frequência cardíaca (mas os limites são diferentes para cada pessoa). A dor pode ir embora quando sua frequência cair, mas algumas vezes pode durar até dois dias por conta do esforço físico. Se você está propensa a ter essas dores induzidas por exercícios, vale consultar um médico e usar um frequencimetro para controlar o ponto em que o problema surge.


2. Força no pescoço

A dor que normalmente começa na parte de trás do crânio e irradia através do couro cabeludo, conhecida como occipital neuralgia, é um problema que pode ser desencadeado por uma tensão no pescoço (atenção ao usar demais o smartphone!). Se for recorrente, o melhor a fazer é consultar um médico.


3. Mandíbula tencionada

A disfunção da articulação têmpora mandibular pode causar problemas. Algumas pessoas tendem a apertar a mandíbula quando estão sob stress e isso pode levar à dor e sensibilidade no rosto, mandíbula e pescoço.


4. Muito tempo em uma área de alta altitude

Mudanças de altitude podem provocar náuseas e dores de cabeça, e piorar à noite. Se você está programando uma visita a um lugar em que a altitude é grande, tente fazer um treinamento gradual antes.


5. Excesso de analgésicos

Tudo indica que montar um verdadeiro arsenal de medicamentos contra a dor de cabeça pode ser um trunfo, mas não é. Exagerar nos medicamentos pode fazer você ter mais dores, já que eles podem religar as vias de dor em seu cérebro. Atenção aos remédios que têm cafeína ou mais de um tipo de droga. Eles podem ser os culpados pela dor de cabeça quando usados com frequência.


Fonte: MdeMulher



Bookmark and Share

< voltar   
Home     |     Clínica     |     Especialidades     |     Corpo clínico     |     Localização     |     Contato