Rua Sorocaba, 706 - Botafogo
CEP: 22271-110 - Rio de Janeiro - RJ
Tel.:2103-1500 - Fax:2579-3713
E-mail: sac@clinicoop.com.br
Notícias

[06/06/2018]
Tratamento experimental curou câncer de mama em estágio avançado
O câncer, que já tinha se espalhado pelo corpo, foi derrotado pelas células da própria paciente – que foram colhidas, selecionadas, multiplicadas e reinjetadas
[04/06/2018]
Um em cada 4 adultos é sedentário, diz Organização Mundial da Saúde
OMS lança compromisso para diminuir falta de atividade física no mundo em 15% até 2030. Inatividade onera assistência em US$ 54 bilhões anuais, diz entidade.
[01/06/2018]
Cientistas produzem córnea humana usando impressora 3D
Trata-se apenas da demonstração da tecnologia, sem qualquer teste clínico ou em animais, mas com potencial para a produção indefinida de córneas
[25/05/2018]
Saiba qual a real gravidade do ebola e a chance do vírus chegar ao Brasil
Doença é altamente contagiosa sendo transmitida, inclusive, após a morte da pessoa infectada; República Democrática do Congo passa por epidemia

+ mais   


OMS: Testes amplos de vacina contra zika só ocorrerão depois de 18 meses


12/02/2016


"Demorará pelo menos 18 meses para haver testes em grande escala", disse a diretora adjunta da organização, Marie-Paule Kieny.

A diretora precisou que a OMS identificou 15 companhias que estão trabalhando no desenvolvimento de uma vacina, embora algumas delas estejam na fase preliminar de suas pesquisas.

"O panorama (das pesquisas sobre o zika) evolui rapidamente e os números mudam diariamente", comentou o especialista.

Duas vacinas potenciais estão em fase de desenvolvimento mais avançados: uma no Instituto Nacional para a Saúde dos Estados Unidos e a outra na biotecnológica indiana Bharat Biotech.

Kieny comentou que a ausência de testes em animais, por exemplo, atrasa o desenvolvimento das vacinas.

Por outro lado, a responsável na OMS antecipou que "em questão de semanas" poderão estar disponíveis testes de diagnóstico da doença, particularmente entre as mulheres grávidas.

"Para a validação do primeiro teste estamos falando de semanas e não de anos", disse Kieny, ao precisar que há dez companhias de biotecnologia que podem fornecer teste sanguíneos e dez laboratórios adicionais que se encontram em distintas fases de desenvolvimento de outras provas.

Nenhum dos produtos em avaliação, esclareceu, conta com uma aprovação independente e nem foi autorizado por entidade reguladora alguma.

Kieny antecipou que serão tomadas as precauções para evitar a distribuição de teste falsos ou de má qualidade.

A diretora também disse que "em questão de semanas ou de poucos meses" poderá ser estabelecido se o zika é causador dos casos de microcefalia e da Síndrome neurológica de Guillain-Barré.


Fonte: Saúde Terra



Bookmark and Share

< voltar   
Home     |     Clínica     |     Especialidades     |     Corpo clínico     |     Localização     |     Contato